Skip to content

House – Broken

26 26UTC outubro 26UTC 2009

broken1

Esse episódio de House não é para mim o melhor da série, uma maravilha longe de erros. Teve alguns errinhos, mas em si, Broken foi ótimo, e além disso, foi um episódio de transição para outros ares para a série, que já estava pra lá de desgastada.

Começando pelo começo, a cena inicial foi muito boa, com as cores em preto-e-branco, um clima mórbido que deu o tom perfeito à situação de House. Doente, alienado, suando frio, uma imagem assustadora para um personagem que possuía uma figura tão imponente, uma transformação tão bem passada graças ao talento de Hugh Laurie. E essa cena talvez tenha sido a mais dramática da série.

broken3

A partir daí o roteiro nos força a nos acostumar com o núcleo do hospício, onde House teria que passar por etapas para que sua recuperação seja conquistada, e mais importante, notada. Não que o hospício tenha sido ruim, foi muito bom, com personagens carismáticos, storylines engraçadas e algumas vezes emocionantes. Mas é difícil acreditar que um hospício seja tão mal conduzido e tão mal policiado, em contraste com a organização milimétrica dos distúrbios dos pacientes, que o episódio extraiu ao máximo sem o menor cuidado com os efeitos do excesso de drama (sim, eu estou falando da menininha muda).

house-broken-4

E do núcleo maluco-beleza,Alvie foi o mais engraçado, e bem interpretado pelo Lin-Manuel Miranda, que protagonizou a cena cool da briga armada. E Freedom Master, com certeza, pois foi com o seu acidente que os sinais de “cura” começaram a aparecer no doutor. Greg e Lydia formaram um casal bonitinho, mas faltou um pouco de originalidade para a história decolar.

Mas nada me emocionou mais do que os diálogos entre House e o dr.Nolan, brilhantemente interpretado por Andre Braugher, que já entra como uma das melhores participações especiais do ano. E a última cena do ator no episódio foi brilhante, mas para quem não viu, é spoiler.

house-broken-2

Por fim, as situações dramáticas bem conduzidas e o roteiro amarrado colocaram esse episódio em um patamar elevado na série (lógico que não é melhor que Three Stories, aí iria querer demais), e mostraram que nunca é tarde para confiar na capacidade dos roteiristas da série.

6×01/02 – Broken (Hugh Laurie)

clip_imageclip_imageclip_imageclip_imageclip_image

Anúncios

From → Sem categoria

Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: