Skip to content

Palpites para o Emmy – Atrizes

4 04UTC junho 04UTC 2010

Chegamos às categorias de atuações entre as mulheres, onde pelo menos esse ano parece que teremos algumas surpresas. Ou será que os votantes irão mudar de ideia e ir contra a maré do Golden Globe? Abaixo, minhas previsões:

Melhor Atriz Dramática:


Glenn Close (Damages)
Julianna Margulies (The Good Wife)
Kyra Sedgwick (The Closer)
Sally Field (Brothers & Sisters)
January Jones (Mad Men)
Anna Paquin (True Blood)

Essa, ao meu modo de ver, é uma categoria bem sólida. As quatro primeiras atrizes na minha opinião, já tem vaga garantida. Enquanto Glenn Close e Julianna Margulies nadam a braçadas pela vitória na categoria (que eu acho que ainda será de Close, mesmo Margulies ter ganho o Golden Globe), Kyra Sedgwick e Sally Field são atrizes de confiança dos votantes, com vitórias em anos anteriores no Emmy ou Golden Globe. Já Anna Paquin e January Jones ainda tentam furar a barreira da falta de confiança dos votantes, que preferem indicar as veteranas Mariska Hargitay (Law and Order SVU) e Holly Hunter (Saving Grace). Um absurdo, que eu acho que será contornado esse ano, porém não me surpreenderia a presença das veteranas novamente.

Melhor Atriz em Série Cômica:

Tina Fey (30 Rock)
Toni Collette (United States of Tara)
Edie Falco (Nurse Jackie)
Lea Michele (Glee)
Courteney Cox (Cougar Town)
Amy Poehler (Parks and Recreation)

Nessa categoria temos uma avalanche de atrizes que emplacaram com séries novas. Tina Fey e Toni Collette, talvez sejam as únicas remanescentes, já que a indicação de America Ferrera (Ugly Betty) parece complicada, levando em conta as vitórias de Fey nas premiações anteriores e o reconhecimento atual do trabalho de Collette. Sobram quatro vagas que na minha opinião serão ocupadas pela veterana Edie Falco, e as populares Courteney Cox e Lea Michelle que têm um certo carinho do público. Amy Poehler é um palpite arriscado, mas ela deve ser indicada pela boa receptividade da crítica à sua atuação (receptividade que não se converte em audiência, infelizmente).

Melhor Atriz Coadjuvante em Série Dramática:

Elisabeth Moss (Mad Men)
Chloe Sevigny (Big Love)
Rose Byrne (Damages)
Sandra Oh (Grey’s Anatomy)
Chandra Wilson (Grey’s Anatomy)
Christina Hendricks (Mad Men)

Nesta categoria, com a mudança de submissão de Elisabeth Moss, acredito tanto na indicação quanto na vitória da atriz, principalmente depois da notícia de última hora que Cherry Jones se auto-eliminou da corrida à segunda vitória na categoria (tive que mudar o post às pressas, vejam só). Chloe Sevigny deve receber sua primeira indicação no Emmy após a vitória no Golden Globe, enquanto Rose Byrne e as atrizes de “Grey’s Anatomy” devem aparecer como candidatas seguras a indicação. Acredito em Christina Hendricks ocupando a sexta vaga pela excelente temporada da atriz, assim como seu ótimo desempenho em episódios submetidos ao Emmy, como “Guy Walks Into an Advertising Agency” e “The Gypsy and the Hobo”, mas não me surpreenderia o retorno imediato à excelente Kandhi Alexander (Treme).

Melhor Atriz Coadjuvante em Série Cômica:

Jane Lynch (Glee)
Kristen Wiig (Saturday Night Live)
Jane Krakowski (30 Rock)
Vanessa Williams (Ugly Betty)
Jenna Fischer (The Office)
Sofia Vergara (Modern Family)

Se Elisabeth Moss agiu com esperteza na mudança de submissão, não posso dizer o mesmo de Cheryl Hines (Curb your Enthusiasm) e Jane Adams (Hung), coadjuvantes séries desconhecidas do público que queimaram suas fichas na premiação por se lançarem como atrizes principais (no caso de Cheryl Hines, eu poderia apontá-la como atriz convidada, mas jamais como atriz principal).

Para as outras candidatas a vaga, aposto de imediato na amada Jane Lynch, na agora solitária aposta do “Saturday Night Live” Kristen Wiig, e no talento de sempre de Jane Krakowski, Vanessa Williams e Jenna Fisher. O difícil será a disputa entre as atrizes de “Modern Family”, Sofia Vergara e Julie Bowen ou até Elizabeth Perkins (Weeds). Eu aposto em Vergara, até para vermos sua reação ao dizer seu próprio nome como indicada, já que ela e Joel McHale (Community) anunciarão os indicados dia 8 de junho.

As categorias de minissérie e telefilme são bem complicadas de prever alguma coisa, porém arrisco as indicadas: Joan Allen (Georgia O’Keefe), a favorita Claire Danes (Temple Grandin – foto acima), Winona Ryder (When Love is Not Enough), Susan Sarandon (You Don’t Know Jack), Romola Garai (Emma) e Judi Dench (Return to Cranford). As coadjuvantes quase sempre são atrizes que vêem a concorrência forte na categoria principal, mas não seria nenhum absurdo vê-las na categoria principal. Meus palpites às cegas são: Imelda Staunton (Return to Cranford – Eileen Atkins venceu a categoria na primeira versão da minissérie, mas só depois de ver a segunda versão é que eu percebi que Atkins não aparece, deixando espaço para a atriz veterana), Kathy Bates (Alice), Lauren Ambrose (A Dog Year), Hope Davis (The Special Relationship), Brenda Vaccaro (You Don’t Know Jack) e Catherine O’Hara (Temple Grandin).

Anúncios

From → Premiações

9 Comentários
  1. Ótimos palpites, realmente não deve ficar muito diferente disso. Ultimamente as categorias de coadjuvantes tem me cansado um pouco, queria que eles inovassem. E tomara que esteja certo quanto à indicação para a Amy Poehler!

  2. Engraçado voce citar a Mariska e a Holly como veteranas e não icluir a Kira Sedgwick. Todo ano essa mulher, com cara de maracujá murcho vai indicada e nunca ganha. Eu vejo SVU e acho que Mariska mereceu o Emmy que ganhou e merece cada indicação que recebeu porque é uma atriz fantástica.Não critico esta ou aquela indicação.Acho que quem vai indicada está ali porque merece. E, este ano, se ela for indicada será mais do que merecido porque como sempre, ela arrasou em SVU. E ela ainda é bonita e sexy(também com aqueles genes)

  3. Sou fã de Mariska e concordo plenamente com o Vitor. Porque a implicância com a Mariska e não com a Kira que todo ano também vai indicada. Gostaria de saber se quem escreveu os prognósticos assiste SVU. Porque aqueles que assistem a série sabem que Mariska já merece ter mais de um Emmy. Ela é uma grande atriz e merece todo o reconhecimento da crítica. Ou então vai ver que os velhinhos da Academia da Televisão ficam enfeitiçados com o sorriso e os olhos da atriz, não resistem e da-lhes Mariska todo ano. Tem dó, né. Vamos ser justos. Ela tem seis indicações seguidas com todo o merecimento. Se não for indicada esse ano eu vou aceitar numa boa. E aqueles que forem indicados também vou aplaudir.

  4. Ummm, talvez porque a Kyra Sedgwick é uma atriz do primeiro time e a Mariska Hargitay não? Ou será porque “The Closer” fica melhor a cada temporada e “SVU” não?

  5. Victor e Augusta:

    Eu ainda consigo ver um ou outro episódio de SVU, e acompanho o trabalho da Hargitay, e a acho muuuuuuito canastrona. Sedgwick é uma atriz arrojada e que se apoia no ótimo roteiro de “The Closer” para ir além no quesito “mulher-no-comando-policial. Já Hargitay é constantemente ofuscada pelo brilho dos convidados especiais (no último episódio que eu vi, Cicely Tyson apagou totalmente a “estrela”), tem sempre uma fórmula arroz-com-feijão que a faz ter uma ou outra cena de destaque, mas jamais compatível com tanta atenção da crítica.

  6. Acho difícil a indicação da Anna Paquin, mas bem provável a da January Jones. Talvez indiquem a Anna Gunn, a Melissa Leo ou alguma das veteranas que você citou, mas Anna Paquin achou muito difícil. Torço por isso junto com você. haha

    Em atriz drama talvez aconteça uma revolução mesmo, mas é bom ser um pouco mais tradicional nas apostas quando se trata de Emmy. Pode acontecer de se repetir a lista do ano passado, mas não descarto a possibilidade de uma reciclagem das indicadas.

    Sem a Dianne Wiest, sem a Hope Davis e com o tiro na cabeça da Cherry Jones, Supporting Actress Drama deverá ser a categoria que mais mudará seus indicados. Também acredito na indicação da Elizabeth Moss, mas achei o papel dela tão pequeno nessa temporada que a vitória não me parece tão óbvia, porém possível. Hendricks é uma boa aposta, mas achei ela bem melhor na temporada anterior e ainda assim deixaram ela de fora. temos as atrizes de treme, a Kim Dickens e a que você citou, que eu acredito estarem um pouco mais à frente nessa corrida.

    Suas apostas estão bem sólidas, assim como os comentários. Sofia Vergara está um pouco à frente da Bowen, mas uma substituição ou até mesmo a indicação de ambas não é algo tão longe do real. Wiig e perkins são as únicas que podem perder a vaga, mas pouco provável.

    Abração!

  7. Entendo que cada um tem sua opinião e temos que respeitar. Assisto SVU e amo, adoro o trabalho de Mariska. Ela é uma grande, uma fantástica atriz e mereceu cada indicação que teve. Realmente SVU tem oscilado na qualidade dos seus episódios mas o que está em discussão não é a série e sim o desempenho da atriz. Não posso julgar o desempenho de Kira pois não vejo The Closer mas não acho que ela seja uma atriz do primeiro time. Pelo que sei ela fez cinema e não se deu muito bem, apesar do apoio do marido. Ele sim, tem mais nome e talento que ela. Mais uma coisa. Mariska é mais premiada que Kira, pois tem um Globo de Ouro e um Emmy. Kira só tem um Globo de Ouro. E não entendo voce dizer que Mariska é ofuscada pelo brilho dos convidados especiais. Em SVU tem episódios que esse ou aquele ator se destaca pelo próprio roteiro ou enredo, mas, Mariska, a cada cena que aparece sempre rouba o espetáculo. E Vinícius, se a Kira é tão boa ,porque quando disputou com a Mariska perdeu?
    Mas não se preocupe. Um dia a Kira ganha um Emmy. Talvez ela mereça. Não sou radical nem despeitada para dizer que ela é canastrona sem ser. Espero o mesmo de voce porque como pode alguem que tem um Emmy , um Globo de Ouro,mais 5 indicaçoes para o Emmy e duas para o Globo de Ouro, fora as 5 indicações para o SAg, como tem a Mariska, ser canastrona.
    Ah! Vinicius , que coisa feia é despeito. Vamos ser racional e justos.

  8. “se a Kira (sic) é tão boa ,porque quando disputou com a Mariska perdeu?” Ummm, desde quando prêmio é matéria de qualidade? Essa não é a discussão aqui. Mas já que você provavelmente acha isso, vamos a uma listinha da Kyra: 1 Globo de Ouro e mais 4 indicações, 4 indicações ao Emmy, 5 indicações ao SAG Awards (e +4 indicações pelo elenco de “The Closer”). Sem contar outras indicações que ela tem para esses prêmios por outros trabalhos fora da série.

  9. Verdade. Por isso mesmo não se pode argumentar que a Kira é talentosa. Nem a Mariska. Mas, se analisarmos em termos de premiação a Mariska bate a Kira. Acho que as duas são boas atrizes mas já tiveram seu tempo no Emmy. Esse ano é da Juliana Marguiles. Assisto as séries da Mariska e da Kira embora não muito assiduamente e gosto das duas. Admiro muito a beleza da Mariska. Ela é uma mulher já madura mas é muito bonita e seu rosto é muito expressivo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: