Skip to content

Louie – 1ª Temporada

8 08UTC setembro 08UTC 2010

Caso você não conheça “Louie”, só está perdendo uma das fortes candidatas a melhor comédia da temporada.

A HBO lançou há alguns anos atrás a comédia “Lucky Louie”, onde Louis CK era basicamente um Larry David da Filadélfia. A série foi muito mal recebida, e como era mais uma cópia de “Curb your Enthusiasm” do que um entretenimento leve, foi cancelada. Louis CK voltou, agora com “Louie”, e parece ter aprendido a lição.

“Louie” é uma comédia pesada, sim, e não haveria de ser já que estamos falando do stand-up Louis CK em um canal a cabo (a FX Networks, acertando novamente), mas nem por isso é uma série grotesca. Existem os típicos momentos de vergonha alheia e a auto-flagelação moral de Louis CK, que vai na mesma linha de “Curb your Enthusiasm”, mas se difere por ir mais longe em alguns aspectos.

“Louie” é uma série que consegue balancear de maneira explêndida o humor nonsense com o humor sério e crítico, e por meio de um roteiro esperto analisa vários assuntos de uma maneira às vezes escrachada e às vezes sutil. O ápice da série se deu primeiramente com o episódio “Bully”, onde o comédia dá lugar para uma lição de vida bem bolada, e voltou no episódio “God”, onde Louis CK faz uma análise do catolicismo na sua vida de uma maneira impecavelmente bem escrita e atuada. Louis CK, aliás, como ator, é tudo o que Larry David queria ser no começo de “Curb your Enthusiasm”. O ator está absoluto na temporada.

É lógico que esbarrar em uma situação constrangedora e desnecessária é normal nesse tipo de comédia que a série apresenta, então como ponto negativo eu destaco o stand-up de Louis CK nos episódios. Pessoalmente eu detesto esse tipo de “encenação verídica”, e o pior é que, além de sem-graça, os stand-ups são colocados de uma forma nada orgânica na série. Porém esse é o único ponto fraco da série.

Eu não recomendaria “Louie” para quem não gosta de “Seinfeld” (existe alguém?), “Extras” ou “Curb your Enthusiasm”, já que no fim todas essas séries bebem da mesma fonte, mas pra quem gosta de todo o tipo de humor, como é o meu caso, “Louie” se mostra como uma excelente comédia que já figura entre as melhores da temporada.

FYC:

Melhor Série Cômica

Melhor Episódio: “God”

Melhor Ator: Louis CK (“Bully”)

Melhor Ator Convidado: Ricky Gervais (“Dr. Ben/Nick”)

Melhor Ator Convidado: Tom Noonan (“God”)

Melhor Atriz Convidada: Mary Louise Wilson (“Double Date/Mom”)

Melhor Roteiro: Louis CK (“God”)

Anúncios
2 Comentários
  1. Incrível, né? Eu adorei Louie de cara e a cada episódio adorava ainda mais. Preciso ver os dois últimos, mas desde já “God” é um dos melhores episódios cômicos do ano.O roteiro da série, em especial nesse episódio, é muito bem escrito e Louis C.K. é incrivelmente hilário e convincente em cena. Achei que fosse o único que gostasse bastante, fico feliz por ver que estou acompanhado nessa. FX acertou em cheio na comédia. E o que foi a participação do Gervais? Cara, ri demais naquelas cenas. haha

  2. Nem é meu estilo de comédia. Sou um dos poucos que não acha Seinfeld genial (e sim, eu reconheço sua quebra de estilo e importância), e achei Louie até bom. Vou assistir os que você recomendou, mas não é uma típica série que eu acompanhe apenas por não ser muito meu estilo. E o Louis está ótimo mesmo, assim como a participação do Ricky

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: