Skip to content

Balanço Geral – Séries de Domingo

9 09UTC agosto 09UTC 2011

True Blood (4×01-06) – True Blood já deixou de ser uma série cativante há algum tempo, graças à péssima terceira temporada, e como estamos falando da série do showrunner Alan Ball (nunca nos esqueçamos: Six Feet Under), não é surpresa ver a série tentar sair do buraco em que entrou nessa quarta temporada. O único momento digno de vergonha alheia foi a cena inicial da quarta temporada, com Sookie fugindo de fadas em meio à fotografia brilhante, frutas-lâmpada e fadas-madrinhas-bruxas. Um horror. Porém, a série vem tendo certo êxito nessa missão de resgate dos seus bons momentos, já que se o frescor da novidade já não existe mais (ou alguém ainda se admira quando mais uma criatura mitológica aparece?), as storylines vem tomando um rumo coeso e sem pressa. Temos o novo romance de Sookie e Eric (agora um vampiro sem-memória e, por consequência da sua aproximação com a mocinha, mais dócil), Jason e seu medo em se transformar em pantera, Bill como o xerife da região, Sam e seu envolvimento com os outros shape-shifters e seu irmão (agora um necromancer, que pode se transformar em outra pessoa, Lafayette e Jesus no México lidando com bruxaria, e a médium Marnie (Fiona Shaw em ótima performance) que é o ponto-chave para a introdução de fato do núcleo de bruxaria. É muita coisa, e ainda muitos personagens sem função precisam ser cortados (alguém disse Tara?), mas não estou tão incomodado com o que vejo.

Breaking Bad (4×01-03) – “Breaking Bad” é uma série que dificilmente erra, considerando que seu foco é quase somente nas reações de uma trama contínua e ininterruptível, e dessa forma só é preciso recuperar o fôlego dos personagens com tramas secundárias e prepará-los para a volta da atenção total à trama principal. E está sendo assim o início da quarta temporada. Os personagens até então se encontram quase estáticos: Walt está trabalhando pressionado por Gus, Jesse se afunda emocionalmente após assassinar Gale e monta seu Jersey Shore particular em casa, Skyler se concentra nas maneiras certas de administrar o dinheiro do marido e ao mesmo tempo controlar os danos da sua mentira, e Hank ainda em recuperação do seu acidente desconta sua frustração na mulher. Claro que por mais que os personagens se mantenham alinhados em seus lugares na trama, a série não deixa de ganhar pontos por saber o tempo exato de tirá-los deste estigma (a própria Marie ganha contornos interessantes no terceiro episódio), e assim como todas as séries da AMC, sabe muito bem usar o clima e os elementos técnicos para enriquecer a história. A série ainda tem muito o que mostrar, e com certeza o acontecimento visto no fim de “Open House” é o elemento indicativo.

Curb your Enthusiasm (8×01-04) – Curb your Enthusiasm já tem oito temporadas mas não para de surpreender. Se Larry David já está totalmente adaptado com seu lado ator (usando seu lado de improviso e caricaturas apenas quando a própria série ganha com isso), agora o roteiro continua em ótima sintonia depois da excelente sétima temporada apostando em junções de storylines dignas dos melhores episódios de Arrested Development. O terceiro episódio, “Palestinian Chicken”, já está entre os melhroes de toda a série, e embora os outros episódios não tenham alcançado esse nível, nunca deixam de ter algo de interessante (a piada com a menina na premiere e a participação de Rebecca Creskoff no quarto episódio são exemplos).

Entourage (8×01-03) – Eu já perdi minhas esperanças com “Entourage”. Nem a nítida recuperação da série na sexta temporada me animou, e a sétima temporada novamente apresenta sinais de desgaste. Os personagens ou estão muito irrelevantes (caso do Turtle), ou estão em situações desinteressantes (Ari e seus problemas conjugais e a carreira de E). Um avanço positivo foi a inserção de Scott Caan no elenco regular como um contraponto ao personagem de Kevin Conolly. Por isso, a série só irá receber reviews novamente após o fim da temporada (e da série).

Anúncios

From → Review

Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: